Pesquisar este blog

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

O Medo de Ensinar

Eis a pergunta do século, devo ensinar o "pulo do gato" aos colegas?

Esse assunto é um dos que mais me preocupam no dia-a-dia. Vejo diversos profissionais preocupados em serem demitidos ao regresso das férias, com medo de serem substituídos pelo colega que ficou no seu lugar durante as férias. Claro que não é apenas no ambiente profissional que temos este problema, mas é mais comum no trabalho.

Normalmente acontece com um colega novo na empresa ou no setor. Aquele colega mais experiente sabe que se ensinar tudo aquilo que conhece, deixará de ser "valioso" para o processo, o que ele faz então? Ensina o básico, o famoso B-A=BA. O que ele ganha com isso?! A falsa ilusão de ser insubstituível...

O que estas pessoas não percebem é que atitudes como estas, acabam prejudicando elas mesmas. É preciso lembrar: Aquilo que é dado à você, você deve dar a outra pessoa! O conhecimento deve ser repassado, transmitido para voltar a você ainda mais grandioso!! Devemos fazer como aquele homem à quem o seu senhor deu algumas moedas, ele investiu e triplicou aquilo que recebeu ou fazer como o outro homem, que recebeu as moedas e guardou para não perdê-las??

Quando ensinamos algo, aprendemos novamente aquilo que já sabemos e mantemos nossa mente aprendendo cada vez mais. Mas quando bloqueamos o nosso ensino, bloqueamos também, parte do nosso aprendizado. Ensinando algo para um colega, com o tempo ele pode melhorar aquilo que aprendeu e te ajudar a melhorar o seu aprendizado também...

Para aquele que souber multiplicar as moedas, muito mais lhe será dado!

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

O Dinheiro

Ontem estávamos debatendo sobre qual a situação mais difícil: Ter dinheiro, ou não ter dinheiro!?
Quando não temos ou temos pouco dinheiro, ficamos reclamando que precisamos de dinheiro. Passamos nossos dias atrás dele, sempre idealizando uma maneira de consegui-lo, de gastá-lo e achamos que seria tudo mais fácil e feliz com ele.
Já parou para pensar que, Deus te dá o necessário para o momento que você está vivendo? Se você tem pouco é porque precisa de pouco naquele momento. Se tem muito, é porque precisa naquele momento. E temos que aprender as lições que estão sendo dadas a todo momento, como dizia um amigo "nada acontece por acaso".
Imagine o tamanho da tentação que é estar no poder, com acesso a muito dinheiro. Não estou falando apenas de políticos, mas de todos os meios onde o dinheiro é manipulado. Como resistir a esta tentação deliciosa que é 'ser rico', ter dinheiro suficiente para fazer o que sempre quis?!
E para que queremos ter tanto dinheiro se precisamos de tão pouco? Quanto mais dinheiro nós temos, mais nós queremos ter e essa ganância parece não ter fim...
Alguns pontos que foram levantados e que são interessantes:
- O dinheiro serve para ser repartido;
- Não podemos alimentar apenas o corpo, mas também o espírito;
- Quanto mais você dividir, mais será dado a você;
Deixo aqui uma frase lida pela dona Ilva ontem, cujo autor eu ainda não sei:
"Aquele que acha que o dinheiro pode fazer qualquer coisa, faz qualquer coisa pelo dinheiro!"
Refletindo sobre este assunto me veio a cabeça o aumento insignificante dos nossos deputados, e ouvi no rádio esta manhã que eles vão barrar qualquer aumento acima de R$540,00 para o salário mínimo... Onde foi parar a coerência?

Diretório de Blogs

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Ano Novo, Sonhos Novos?!

   Um novo ano se inicia e vem a mente aquelas lembranças de tudo que ainda não fizemos e queremos fazer. Mas a pergunta que fica me incomodando é, Será que os sonhos são os mesmos? Será que queremos exatamente aquilo que queríamos no ano passado?
   Você não fez nada para se ajudar no ano que passou? Seus sonhos continuam os mesmos ou ganharam um desejo a mais?
   Pensando em meus sonhos e desejos para 2011, percebi que quero um pouquinho a mais em cada sonho, pelo menos comigo aconteceu isso... Aquela casa que venho sonhando, já precisa de uma janela a mais. Aquele trabalho sonhado, vai ter que ser mais lucrativo. Aquelas férias, vão ter quer mais aproveitadas...
   Enfim, penso que tudo que sonhávamos vai precisar de um pouquinho a mais, inclusive dedicação a mais! Não basta ficar sonhando e sonhando, temos que nos esforçar e buscar pelos nossos sonhos para que eles se realizem!
   Vamos ter um ano inteiro para lutar por estes sonhos, mas não podemos deixar mais um ano se passar e os sonhos se distanciarem...